Pandemia: Contadores relatam dificuldade em estar atualizado durante a crise

ao³, fez um estudo sobre a nova rotina dos contadores nesses tempos de pandemia. De acordo com a IOB, marca da ao³ especializada em legislação nas áreas trabalhista, tributária, fiscal, contábil e previdenciária, desde o início da crise ocorreram 2.848 mudanças na legislação até agora, que afetaram diretamente a rotina das empresas. Desse total, 435 foram no âmbito federal e 2.413 na esfera estadual.

Se estar em dia com a contabilidade não era uma tarefa simples no Brasil, com o coronavírus, esse desafio se intensificou. As principais dificuldades relatadas pelo contador na pandemia são: manter-se atualizado (29,8%), receber os documentos do cliente no prazo (21,7%), segurar a carteira de clientes (13,6%) e reduzir despesas (12%).

Outro ponto interessante é que 70,2% continuam operando normalmente, mesmo com a pandemia, porque têm uma infraestrutura na nuvem (26,4% operam parcialmente e 3,4% estão fechados porque contam somente com estrutura física).

A pesquisa também quis saber o que mudará no negócio do contador após o final do isolamento. Para a maioria, o home office será uma prática mais comum e o investimento em tecnologia para ter um escritório mais digital será ampliado.   


Veja outros resultados:

  • 62% são donos do próprio escritório;
  • 51,6% possuem uma microempresa e 28,7% são MEI;
  • 69% se sentem valorizados pelo cliente e 31% não se sentem valorizados;
  • 37,6% tiveram queda de 30% na receita e 24% reduziram em de 50% as receitas;
  • 39% estão conseguindo manter a mesma carga de trabalho, mas 30,6% aumentaram em mais de duas horas o expediente;
  • 62,4% possuem cliente com mais de 10 anos no escritório.

A pesquisa ouviu 258 contadores, em junho de 2020.




Fonte: ao³

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Mais lidos

Leia Mais

Siga-nos

11. 4522-3466 | 11. 97629-7772

comercial@escritoriointeligente.com

Av. Henrique Andrés, 68 - Centro - Jundiaí, SP